Matricula Fácil 2019 – Inscrição, alocação, 1ª e 2ª fase

Para fazer a inscrição pelo sistema da Matrícula Fácil para o ano letivo de 2019 é necessário ficar atento ao calendário e aos prazos. O período de inscrição ainda não foi divulgado, mas desde já é importante esclarecer alguns pontos essenciais para que a matrícula seja realizada com sucesso.

É fato que, quando se trata de realizar a matrícula dos filhos, os pais/responsáveis, por vezes, passam por situações um tanto quanto estressantes. Isso porque o processo de matrícula e rematrícula nas escolas são burocráticos. Porém, a matrícula online veio para descomplicar esse processo e tornar o período de inscrições mais fácil e ágil. Porém, muitas pessoas ainda têm dúvida sobre como funciona a Matrícula Fácil.

Pois bem, é isso que vamos esclarecer hoje. De início, é necessário que todos entendam que o período de inscrição é composto por duas etapas: 1ª e 2ª fase. Confira abaixo como funciona cada uma dessas fases.

1ª fase

A 1ª fase da Matrícula fácil é o período em que as inscrições online ficam liberadas para que os interessados façam seus devidos cadastros para concorrer à vaga na escola pretendida. Após o encerramento do período de inscrição, é divulgado o resultado das alocações dessa primeira fase. Se o aluno ou o pai/responsável tiver se cadastrado no sistema de matrículas online e efetuado a inscrição, pelo próprio site é possível conferir o resultado. Outra opção para saber se houve ou não alocação, é procurar diretamente a instituição de ensino selecionada no ato da matrícula. Caso o aluno consiga a vaga, imediatamente ele deve se dirigir até a escola (se este for maior de 18 anos, se menor, o responsável deve o representar) para efetivar a matrícula na escola.

2ª fase

Há casos em que alguns alunos não conseguem se alocar na primeira fase da matrícula online e em outras situações, até conseguem a vaga, mas perdem o prazo para confirmação presencial. Vale à pena lembrar que, mesmo conseguindo a alocação na primeira fase, é de suma importância ir até a escola para confirmar a matrícula, se não, o aluno corre o risco de perder a vaga.

A 2ª fase da matrícula é exclusiva para esses casos. Assim, essas pessoas deverão seguir os mesmos passos da 1ª fase, ou seja, aguardar a abertura do período de inscrição para a segunda fase, fazer a inscrição online e acompanhar os resultados. A principal diferença nesse segundo momento é que ao realizar a matrícula no site, automaticamente o aluno já estará alocado na instituição de ensino escolhida.

Para mais informações, fique de olho, pois em breve serão divulgadas novidades sobre a Matrícula Fácil 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *